Carnivor – A Proteína da carne vermelha

Carnivor


Carnivor - A melhor proteina isonalada do mercado!

 O Carnivor nada mais é que uma proteína isolada de origem animal, mais precisamente a proteína isolada da carne vermelha. Como todos nós sabemos há uma gama de proteínas espalhadas pelo mercado de suplementos alimentares atualmente, tais como proteína de soja, leite, ovo e outras. Agora surge a grande inovação do mercado que promete ser a melhor dentre todas as outras, a proteína do futuro – Carnivor.

O Carnivor pode ser encontrado facilmente em todas as lojas de suplementação, assim como em farmácias e até mesmo alguns supermercados. Ele é registrado e aprovado pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (ANVISA), por isso pode ser comercializado e consumido por atletas.

Acredita-se que todos os suplementos que possuem registro na ANVISA, assim como o Carnivor, quando consumidos de maneira correta não fazem mal à saúde. Porque ele passou por uma série de procedimentos científicos que comprovaram sua eficácia, assim como ação no organismo. Porém vale lembrar que a indicação no rótulo dele ser obedecida para que não haja efeitos colaterais de fato.

Como o Carnivor atua no ganho de massa muscular:

Primeiramente ele é uma proteína e como todos nós sabemos a síntese muscular é dependente de proteínas. Este representa o nutriente principal para que ela corra de fato. Assim como o carboidrato que é a fonte de energia para todo o processo.

Não devemos deixar de lado os outros nutrientes, pois todos tem sua função. Porém a proteína é classificada como a mais importante, sem ela a síntese muscular não ocorre!
Com base nisso devemos manter os níveis de ingestão de proteína altos durante todo o dia, mais precisamente há necessidade da ingestão de proteínas de 3 em 3 horas, principalmente atletas que almejam o ganho de massa muscular – Hipertrofia. O Carnivor pode ser adicionado em qualquer momento, tudo depende da individualidade biológica de cada indivíduo, cada um responde melhor a um determinado tipo de proteína em uma determinada hora.

Exemplos de utilização do Carnivor:

- Ele pode ser consumido no café da manhã, junto de um shake com leite desnatado e frutas. De forma que o atleta utilize o mesmo, ou outra proteína de rápida absorção no pós treino.
- Ele pode ser tomado no pós treino com um carboidrato de alto índice glicêmico.
- Ou até mesmo fracionado durante o dia e combinado com outras proteínas.

Benefícios do Carnivor:

Ele é rico em aminoácidos essenciais e não essenciais, ou seja, é uma proteína de alto valor biológico. Possui toda carga proteica que qualquer atleta precisa para satisfazer as necessidades da mesma.

Ela é livre de colesterol! Um ponto muito importante que devemos destacar! Todas as carnes vermelhas são riquíssimas em colesterol, talvez por isso que não seja tão indicada por nutricionistas. O colesterol causa um série de prejuízos à saúde, levando até mesmo a morte. Sabemos que a carne vermelha possui uma qualidade proteica superior a muitas outras fontes, porém não é indicado pelo seu alto teor lipídico de colesterol e gordura saturada.

Não possui açúcar, sendo necessário quando utilizada no pós treino adicionar um carboidrato de alto índice glicêmico.

Não contém lactose, sendo totalmente indicada para os intolerantes a lactose. Talvez está seja a proteína mais indicada para substituir o whey protein nestes que sofrem dessa patologia.

O carnivor possui baixa concentração de sódio, importantíssimo! Visto que a alimentação da sociedade atual é muita rica em sódio levando a muitos prejuízos na qualidade de vida e além de ser riquíssima em vitaminas do complexo B, podendo ser adicionada de outras.

Devemos lembrar que o Carnivor é rico em creatina, nutriente importante para que o atleta consiga melhorar o desempenho na atividade física, pois é comprovado que em exercícios de curta duração a creatina aumenta a disponibilidade de ATP, aumentando a força e energia e com isso fazendo com que o atleta pegue mais peso, com menos intervalo de descanso.

Contra indicação do Carnivor:

Este produto é indicado para todos os indivíduos saudáveis. Os demais devem procurar orientação profissional antes de iniciar o uso. Pois há patologias que visam a diminuição do uso de proteínas e nesta condição o carnivor pode se tornar prejudicial.

Ele não possui efeitos colaterais, desde que seja utilizado de forma correta na quantidade correta. Para saber, basta visar o rótulo do produto e saber q quantidade permitida.

Muitos fisiculturistas atuais preferem utilizar o carnivor como principal fonte proteica no pós treino que a creatina. Estes observaram melhores resultados. E você tá esperando o que para testar a proteína do futuro?

Vale lembrar que somente o carnivor, assim como qualquer outro suplemento não irá proporcionar nenhum resultado na sua rotina. É necessário uma alimentação regrada de acordo com suas necessidades e objetivo, assim como um treino pesado e elaborado corretamente por um profissional. Não se atenha a relatos negativos deste produto na internet, pois muitos fazem uso dele e esquecem dos outros pontos (dieta, treino e descanso) e acabam fazendo relatos negativos.